Geopolítica: Colômbia é aceita na Otan e se torna o 1º país da América Latina na aliança

 

Pouco depois de anunciar que a Colômbia havia conseguido sua vaga na OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico), o presidente Juan Manuel Santos celebrou outro ingresso de seu país num organismo internacional, a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte). O país entrará como “sócio global”, por uma questão geográfica.

Trata-se do único país latino-americano a integrar esse grupo.

“A formalização de nossa entrada na OTAN ocorrerá na semana que vem, em Bruxelas, seremos o único país da região com esse privilégio. Ser parte tanto da OCDE como da OTAN melhora a imagem da Colômbia e nos permite ter muito mais espaço para negociar e debater no cenário internacional.”

Desde 2013, a Colômbia vinha trabalhando com esse objetivo, ao assinar um acordo de cooperação com essa organização. A cerimônia de formalização será no dia 31 de maio, junto ao secretário-geral da entidade, o ex-primeiro-ministro norueguês Jens Stoltenberg.

Na noite deste sábado (26), Santos voltou a fazer um pronunciamento, dizendo que as eleições presidenciais que se realizam neste domingo (27) “serão sem dúvida as mais tranquilas, mais seguras e mais transparentes na história da Colômbia. Desde março, quando votamos por nosso novo Congresso, viemos completando um ciclo, que são o da nossa nova democracia, em tempos de paz, depois do acordo de paz com as Farc.”

Fonte: Folha de S. Paulo